Intercâmbio Voluntário: o que é e por que aplicá-lo na sua empresa

O estímulo ao engajamento social nas empresas pode ter diversos formatos e um deles é o intercâmbio voluntário. As formas de realização do intercâmbio variam de acordo com os objetivos e cultura de trabalho de cada programa, mas têm em comum a vivência de novas experiências dos participantes através da atuação social em ambientes diferentes do local onde vive. Ao ser aplicada em uma empresa, a prática promove o crescimento pessoal dos colaboradores e, consequentemente, da organização como um todo.

intercâmbio voluntário

O que é o Intercâmbio Voluntário?

No contexto de uma empresa, o intercâmbio voluntário consiste em proporcionar aos colaboradores uma viagem a outro país ou estado para realizar trabalhos voluntários que colaborem com a comunidade local. Idealmente, o modo de execução e as causas abraçadas devem estar alinhados também com os objetivos do Programa de Voluntariado Corporativo.

Quais as vantagens para a empresa?

Conforme já mencionamos aqui, o engajamento social gerado pelo trabalho voluntário traz diversos benefícios para a organização como um todo. Além de reforçar sua marca e melhorar a qualidade de vida dos colaboradores, o voluntariado traz maior contato com a sociedade. Ao mesclar atividades sociais e intercâmbio cultural, a empresa promove ainda mais ganhos, como os seguintes:

Aprendizado pessoal

Todo o crescimento pessoal que o voluntário adquire na jornada de intercâmbio se reflete no trabalho dentro da empresa quando ele volta da viagem. Além de aprender sobre como funciona o trabalho voluntário em outros países e regiões, o colaborador cresce como membro da equipe, por ter mais bagagem cultural e vivência em situações inusitadas.

Facilidade de adaptação

No caso do intercâmbio, o relacionamento com outras pessoas é um fator primordial, pois trata-se da vivência de novas realidades. Essa experiência torna o colaborador mais capacitado em sua vida pessoal e também profissional. Este contato com outras culturas e modos de vida estimula os participantes a sairem da zona de conforto, aprendendo a lidar de modo mais seguro e flexível em situações desconhecidas.

Valorização profissional

Além disso, o intercâmbio voluntário também ajuda a motivar seus colaboradores e fazê-los se sentirem valorizados. Fazer um intercâmbio é o sonho de muita gente, mas organizar a viagem e conciliá-la com o trabalho pode ser muito difícil e custoso. Ao receber suporte nas questões logísticas e estruturais, o voluntário pode tornar esse sonho realidade. Assim, sua empresa demonstra disposição em investir nos membros de sua equipe ao proporcionar essa oportunidade de crescimento, o que se traduz em funcionários mais capacitados e motivados.

Caso prático

Para entender melhor como o intercâmbio voluntário funciona, vamos conferir o grande exemplo promovido pela Fundação Telefônica Vivo:

Fundação Telefônica e as férias solidárias

Na Fundação Telefônica Vivo, o Intercâmbio Voluntário se traduz no programa “Vacaciones Solidarias“. Anualmente, cerca de 200 colaboradores, de diversos países onde o grupo Telefônica Vivo atua, doam parte de suas férias para realização de trabalhos voluntários em diferentes destinos no Brasil e no exterior ano a ano. Toda a organização logística da viagem é feita pela empresa. Desta maneira, possibilita-se aos colaboradores participantes a oportunidade de viajar e ajudar diretamente grupos vulneráveis através de projetos apoiados pela Fundação, em conjunto com várias ONGs da Espanha e da América Latina.

Igor Mattos é analista de Processos e membro do Comitê de Voluntariado de São Paulo. Em entrevista realizada para a Telefônica Vivo, ele contou sobre a experiência que teve quando realizou o intercâmbio para a Colômbia, onde ajudou na construção de espaços para a comunidade de Matalla. “Ao participar de experiências como essa, percebemos o quanto as pessoas ficam felizes com a nossa ajuda e que temos de agradecer, sempre, pelo que temos, sem reclamar da vida. Todo mundo deveria participar de vivência semelhante, para abrir a cabeça para coisas novas”, comenta.

“Todo mundo deveria participar de vivência semelhante, para abrir a cabeça para coisas novas.” (Igor Mattos, voluntário)

No vídeo abaixo podemos ver alguns exemplos de atividades realizadas no intercâmbio voluntário da Fundação Telefônica Vivo.

Como realizar um intercâmbio voluntário na minha empresa?

1) Verifique o interesse e as possibilidades

Converse com as lideranças e comente sobre o intuito de organizar o intercâmbio voluntário em sua empresa. O apoio da área de RH, em especial, é fundamental para a articulação do programa. As áreas de Responsabilidade Social e de Comunicação também devem ter uma participação ativa para garantir o sucesso do intercâmbio. Faça também uma pesquisa na empresa sobre a disponibilidade para viagens e interesse em conhecer outras culturas. Essa etapa é importante para verificar o interesse dos colaboradores, além de identificar quais seriam suas motivações e preocupações ao participar da iniciativa.

2) Defina o orçamento e monte um plano de ação

Para oferecer as viagens você deve organizar as questões logísticas do intercâmbio (passagens, hospedagem e alimentação), além das atividades voluntárias que deverão ser feitas. A hospedagem pode ser em pousadas, apartamentos alugados ou mesmo em casas de família. Pontos como esse, assim como a alimentação e passagens, podem ser explorados para que tenham custos reduzidos sem prejudicar a segurança dos voluntários. Com a ajuda do RH e de organizações do local de destino é possível contactar as pessoas certas e mapear as melhores possibilidades.

3) Selecione organizações parceiras

Além das questões inerentes à viagem, listadas no ponto anterior, é preciso pensar nas atividades voluntárias que serão feitas pelos intercambistas. Então, esta é a hora de selecionar instituições parceiras onde o trabalho voluntário será realizado. Essa é uma boa oportunidade para alinhar as atividades que o intercambista irá desempenhar aos objetivos de seu Programa de Voluntários. Por exemplo: se sua empresa tem como objetivo o trabalho com educação infantil, é interessante selecionar uma instituição no local de destino que realize trabalhos na mesma área. Assim, o colaborador terá contato com um cenário diferente, porém lidando com o mesmo problema, trazendo novas perspectivas a esse respeito ao retornar.

4) Recrute os intercambistas

Após resolver questões logísticas e definir instituições parceiras no trabalho voluntário, organize um processo seletivo dentro de sua empresa para que os interessados possam se inscrever. O convite pode ser aberto, como no caso da Fundação Telefônica, que oferece a oportunidade a todos os colaboradores e aposentados, ou pode ser algo mais restrito, como no caso do prêmio oferecido pelo Instituto C&A. Qualquer que seja o formato, certifique-se de que esse processo seja transparente e bem divulgado em seus meios de comunicação interna, para que todos tenham a possibilidade de entender como ele funciona e participar. Uma forma fácil e eficaz de divulgar seu intercâmbio e gerir a seleção é utilizando a Plataforma de Voluntariado da sua empresa, caso possua.

5) Tenha uma base de apoio aos viajantes

Viagens podem vir recheadas de imprevistos e situações inesperadas. Por isso, é imprescindível que o intercambista tenha um telefone de contato e um suporte local para qualquer eventualidades. Mantenha contato sempre, para se certificar de que esteja tudo fluindo bem.

6) Registre e divulgue os resultados da viagens

Quando a viagem acontecer, faça o possível para que as atividades fiquem registradas e sejam compartilhadas com os colegas da empresa e das instituições parceiras. Para tanto, os participantes podem compartilhar fotos e depoimentos no Portal de Voluntariado ou em outro canal de comunicação da empresa. Com o material em mãos, escreva pequenas reportagens e divulgue nos canais de comunicação interna da empresa.

Depois de conhecer essas iniciativas é muito fácil se sentir inspirado e com vontade de implementar um intercâmbio voluntário na sua empresa, não é mesmo?

Gostou da idéia? Conte pra gente nos comentários! 

banners-ebook-formacao-de-voluntarios-1

(Visited 117 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *