10 notícias emocionantes de solidariedade em 2016

2016 foi um ano com muitos altos e baixos: de um lado, grandes tragédias como o atentado na França e o atual conflito em Aleppo; do outro, verdadeiros anjos que se mobilizam para trazer conforto e acolhimento às pessoas prejudicadas. Para fechar o ano mantendo a fé na humanidade, aqui vai uma lista com 10 das atitudes mais comoventes do ano:

 

1) Alunos arrecadam mais de R$ 10 mil para ajudar vendedor de bolos da faculdade

Haroldo vendia bolo aos estudantes da PUC-Rio e chamava atenção por sua alegria e perseverança. O simpático senhor reunia menos de um salário mínimo por mês, mas quando se aproximaram as férias de final de ano, os alunos se deram conta de que durante os meses de recesso ele não teria nem mesmo esse valor. Assim, começaram a campanha “Natal do Haroldo”, que acabou por arrecadar mais de R$ 10 mil! Os detalhes – e um belo vídeo – da história podem ser vistos aqui.

Sr Haroldo, o simpático vendedor de bolos. Imagem retirada do vídeo feito pelos alunos.

 

2) Super-heróis de verdade salvam família de incêndio

Se você assistia a filmes em que o Homem-Aranha salvava pessoas pela cidade e achava que nunca veria isso no mundo real, vai se surpreender. No sul de Minas Gerais, um grupo de homens fantasiados de super-heróis estava passando de carro quando viram uma casa em chamas e resolveram agir: correram em direção ao incêndio e salvaram uma mulher e um bebê de 7 meses. O ato de heroísmo virou notícia, que pode ser lida aqui.

 

3) Habitantes de Nice oferecem abrigo a desconhecidos após ataque

Após o atentado terrorista em Nice, na França, muitas das vítimas ficaram vagando pelas ruas porque não eram moradores locais e, portanto, não tinham aonde ir. Nesse momento, as redes sociais foram usadas para um dos mais nobres motivos: conectar pessoas que precisavam de ajuda a quem tinha disponibilidade de ajudar. Através da hashtag #PortesOuvertesNice, moradores da cidade ofereceram suas casas para acolher estas vítimas. Aqui você pode ler a notícia completa.

 

4) Motoboy arrisca a vida para salvar gatinho e ganha curso de bombeiro civil

Tudo começa quando um gatinho fica preso no parapeito de uma janela do terceiro andar de um prédio. Um grupo de pessoas se mobiliza para o resgate, mas é um motoboy quem decide arriscar sua vida para salvar o animal desconhecido. Para alegria de todos, a operação é um sucesso. A história poderia acabar aí, mas o melhor vem agora: um casal havia filmado o acontecido e o vídeo viralizou na internet. O rapaz virou herói e, por sua bondade e coragem, ganhou um curso para ser bombeiro civil. Não poderia ter final melhor, não é mesmo?

 

5) Adolescentes transformam acampamento de sem-teto em um charmoso vilarejo

O que acontece quando você reúne engenheiros, arquitetos e estudantes do segundo grau? Em Seattle, nos EUA, aconteceu uma linda transformação: moradores de rua, que dormiam em barracas improvisadas, ganharam casas de madeira construídas pelos jovens, com o apoio dos profissionais. As fotos desta matéria mostram o resultado do trabalho em equipe e nos fazem pensar em quanta coisa ainda pode ser feita.

Jovens controem casas para moradores de rua

Jovens constroem casas para moradores de rua. Foto: divulgação

 

6) Músicos portugueses promovem show para ajudar as vítimas de conflito em Aleppo

Em cenários de guerra, muitas pessoas morrem por doenças que poderiam ser facilmente evitadas se houvesse vacinação suficiente. Pensando nisso, cerca de 20 músicos portugueses promoveu um show na cidade de Lisboa e reverteu o dinheiro dos ingressos para os Médicos sem Fronteiras que atuam na Síria. Esta nota da Vogue Portugal conta alguns detalhes sobre o show.

 

7) Times de futebol deixam rivalidade de lado para ajudar Chapecoense

A queda do avião que trazia o time de futebol Chapecoense gerou uma tristeza grande em diversos países, mas trouxe também uma comoção geral que nos faz acreditar em um futebol mais humano e com menos rivalidades. De homenagens na internet até a disponibilização de jogadores, as ações comovem e alegram ao mesmo tempo. Esta matéria mostra 12 belas ações de solidariedade ao time.

 

8) Brasileira vai à Grécia ajudar refugiados pela terceira vez

Este trecho da notícia já dá uma ideia de como foi a experiência: “Em Lesbos, as duas brasileiras recebiam os barcos que acabavam de chegar, preparavam chá, sopa e centenas de sanduíches para distribuir, separavam roupas para doação, guiavam os recém-chegados até os campos, faziam atividades com as crianças. ‘Eu estava sempre dentro d’água, bem na linha de frente. Ajudava todo mundo a sair, principalmente mulheres, idosos, crianças’, diz Gabriela.” Esta matéria completa conta as motivações da adolescente e como ela chegou até lá. Absolutamente inspirador!

Foto: Arquivo pessoal / Gabriela Shapazian

 

9) Detentos lançam livro sobre sua experiência na prisão

Muita gente fala sobre o poder de escrever um diário para externalizar os sentimentos e lidar com as angústias da vida. Mas o que pouca gente nota é que a literatura e a escrita podem ser ferramentas determinantes para reerguer a vida de pessoas que passam por situações extremas – como, por exemplo, a internação em um presídio. O livro “Contos tirados de mim” reúne textos escritos pelos detentos da cidade de Joinville, em Santa Catarina. A obra é o resultado de um projeto de literatura incentivado pela Vara de Execuções Penais da cidade e tem transformado a visão da sociedade em relação às pessoas que cumprem pena. A notícia completa está aqui.

 

10) Refugiados doam seus tickets para vítimas de terremoto na Itália

Logo após um terremoto destruir a região central da Itália, voluntários de diversas regiões próximas começaram a se mobilizar para levar doações e ajudar em diversas frentes. O mais impressionante, no entanto, foi a ajuda de quem menos se esperava: refugiados que viviam na região, e que por si só também precisavam de auxílio, doaram seus vales para as vítimas dos terremotos. Estes vales podem ser trocados por alimentos, roupas e artigos de higiene pessoal. Os detalhes da história podem ser lidos nesta notícia.

 

Bônus: Atletas dão incríveis demonstrações de espírito olímpico na Rio 2016

Teve esgrimista corrigindo um ponto errado dado pelo juiz, teve corredoras ajudando uma à outra para completarem a prova, teve jogadora de vôlei usando calças para respeitar a religião da parceira. Todos esses gestos de honestidade e companheirismo estão nessa lista emocionante – e olha que a matéria nem chegou a citar o caso que ocorreu bem antes dos jogos, quando uma das atletas nadou 3 horas em mar aberto para salvar cerca de 15 pessoas.

conheça a plataforma completa para voluntariado empresarial

(Visited 349 times, 8 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *